25.12.16

25 de DEZEMBRO de 2016 I HELENA SANTOS

25 de DEZEMBRO de 2016 . HELENA SANTOS
ARTES PLÁSTICAS
Energia




Não sabemos ao certo para onde vamos depois disto
Pensamos com esperança que seja uma escalada
Pensamos com esperança que voltemos a nascer
Pensamos que sairemos melhores

Pensamos nos anjos às janelas
Nos novelos sem princípio nem fim
Pensamos com preocupação 
Nas pontas soltas do coração

Mas recordamos coisas parvas
Recordamos encontros e cores
E pessoas
Muitas pessoas

Algures estarás pintando 
Riscando os azulejos de uma cozinha que não acaba
Usando materiais que vais inventando
Colando, cortando, deixando secar
e dizendo-nos
no teu jeito juvenil de ser uma senhora pintora
- que a vida é uma grande espera para deixar secar
As tuas pinturas faziam-se sem ti
E agora 
Agora escrevo este texto, pela primeira vez, para um trabalho teu sem ti
Os teus riscos na parede da cozinha ficaram
Os nomes das tuas séries ficaram
Assim como os encontros que tinhas
Ficou mais
Ficou uma grande espera por deixar secar
os teus últimos trabalhos: 
nós

Agora és
Energia

texto. Nuno Meireles


Papel vegetal vermelho rigido
20 cm X 20 cm X 20 cm

Sem comentários:

Publicar um comentário